História da Entidade

O Centro Regional de Registro e Atenção aos Maus Tratos na Infância - CRAMI de Piracicaba foi fundado em 30/10/1986 com Objetivo Estatutário de atender crianças e adolescentes vítimas de violência doméstica, na época não havia conselhos tutelares e vigorava o código de menores; um grupo de profissionais liberais, liderados por uma psicóloga identificou que o índice de violência contra crianças e adolescentes no município era muito grande e não havia na cidade programa para atender tal demanda.

Desta forma a equipe constituiu a entidade e passou a efetuar o atendimento emergencial às vítimas de diversas formas de violência, que consistia em receber denúncias anônimas e disponibilizar equipes de psicólogos e Assistentes Sociais para verificar por meio de visitas domiciliares a veracidade da denúncia e estabelecer o plano de Acompanhamento ao núcleo familiar.  Em 1995 quando foi criado o Conselho Tutelar o CRAMI deixou de receber as denuncias via telefone, uma vez que cabe ao órgão citado receber notificações de todas as violações de direitos contra crianças e adolescentes e passou a efetuar o atendimento psicossocial às vítimas e suas famílias, cujos casos eram encaminhados pelo Conselho Tutelar. Esse trabalho foi desenvolvido até Dezembro de 2011. Em Janeiro de 2012 essa ação passou a ser desenvolvida pelo Centro de Referência de Assistência Social - CREAS, conforme Estabelece a Tipificação Nacional dos Serviços Sócio Assistências e O CRAMI passou a desenvolver ações psicossociais preventivas para pessoas/famílias buscam espontaneamente, bem como encaminhamento da rede intersetorial de atendimento à Criança e ao Adolescente.   

Reunião de abertura da entidade


 

O TRABALHO DO CRAMI CONTRIBUI PARA:
 
  • Romper com padrões violadores de direito no interior da família;
  • Processar a inclusão de crianças e adolescentes vítimas, bem como seus familiares nos programas de atendimento disponíveis no Município;
  • Disseminar cultura de educação de crianças e adolescentes pautada no diálogo;
  • Formar agentes multiplicadores no combate da VDCA

Rua Floriano Peixoto, 1063 - Centro Piracicaba/SP | CEP: 13419-140
2012 - Todos os direitos reservados. Centro Regional de Registros e Atenção aos Maus Tratos na Infância/Piracicaba.